Arquivo da tag: como foi

Concurso do IBGE: como foi?

ibge

E eis que chegou o dia do tão esperado concurso do IBGE! Hoje (10) muitos de vocês fizeram a prova e como era um concurso que eu estava inscrita, mas não fui fazer a prova, estou com curiosidade dobrada!

Me contem o que acharam, quais foram as matérias mais difíceis (tava todo mundo com medo de Português e RL), o que caiu em “Jornalismo de Dados”… Quero saber tudo!

Fiquem à vontade, o espaço é de vocês!

Anúncios

Concurso do IFPE: como foi?

ifpeHoje (03) foi dia de prova do concurso do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE). Já soube por alguns amigos que a prova foi daquelas com decorebas absurdas de datas, com alternativas estilo “A – 1 de dezembro; B – 2 de dezembro; C – 3 de dezembro…” e por aí vai, o que não permitia nem um chute com certa chance de acerto. Chegaram ao cúmulo de perguntar o número do artigo do Código de Ética que falava de tal tema, como se esse dado fosse mais importante que abordar perguntas sobre o próprio tema.

Enfim, resolvi abrir esse espaço para que vocês mesmo possam comentar sobre a prova, mas desde já fica o meu lamento e indignação com esse tipo de concurso que vai totalmente na contramão do que as bancas estão fazendo, que é cobrar cada vez mais inteligência e menos decoreba de seus inscritos.

Fiquem à vontade para expor aqui o que acharam da prova!

Prova da Câmara RJ: como foi?

redacaoEnfim chegou o dia da segunda fase do concurso da Câmara do Rio de Janeiro! Vou falar um pouco aqui como foi a prova de Jornalismo, mas o espaço está aberto para o pessoal de Redação/ Revisão e de Audiovisual comentar também.

Mas antes, uma pausa para eu agradecer ao professor Felipe Barreto por todas as dicas que ele nos passou na oficina de release. Apesar de não ter caído tão perto de como tínhamos imaginado (achávamos que o foco seria algum projeto de lei ou lei aprovada), várias informações passadas por ele durante as aulas (inclusive um release que fizemos sobre o resultado de uma audiência pública), serviram demais para dar mais confiança ao texto. E claro, são conhecimentos que ficam para as próximas provas! Obrigada de coração, Felipe!

Voltando ao concurso… A prova de Jornalismo pedia para que fosse feito um release convocando a imprensa para uma audiência pública. Pedia também que indicássemos o público-alvo e o material a ser anexado. Havia algumas informações para ajudar na construção do texto. Parece fácil, né? O que achei:

– Não precisava ter estudado as legislações para fazer a prova. Lei Orgânica, Plano Diretor, Regimento Interno… Mesmo quem não estudou nada disso, conseguia fazer o release tranquilamente. Poderiam ter explorado mais, já que o processo legislativo foi tão cobrado na primeira fase e estavam todos previstos na bibliografia da segunda fase.

– O tempo de duas horas foi muito no limite, muita gente entregando no último minuto! Custava nada ter 3 horas de prova para fazermos com mais tranquilidade…

– A quantidade de linhas e o tamanho delas no rascunho eram maiores que no cartão-resposta. Corria o risco de você escrever tranquilamente no rascunho e quando ir passar a limpo, praticamente não caber nas 30 linhas! A minha redação vai precisar ser lida com uma lupa, com certeza! kkkkkkk

– E aquele espaço minúsculo para colocar o público-alvo e o material anexo? Mas depois uma amiga sintetizou tudo o que acho que a banca queria: “imprensa” e “press kit” (respectivamente). Não acredito que eles vão desconsiderar se você colocou “rádios/TVs/ sites/jornais” (em letras minúsculas, claro), mas muita gente acabou colocando só um dele ou só alguns, até porque não dava para escrever muito. E o pior, muita gente escreveu para além da linha! Segundo o edital, “4.6.4 será desconsiderado, para efeito de avaliação, qualquer fragmento de texto que for escrito fora do local apropriado ou ultrapassar a extensão máxima de linhas estabelecida”.

Acho que é isso! A prova no geral estava fácil e vai nivelar a nota por cima. Os detalhes é que farão o diferencial!

Seguem abaixo as próximas datas do cronograma:

Publicação do Resultado: 24/11
Período de Recurso: 01/12 (não entendi como entra com recurso antes de ver sua prova…)
Pedido de Vista da Prova: 02 e 03/12
Vista da Prova: 04/12
Pedido de Recurso: 07 e 08/12
Publicação do resultado dos Recursos: 18/12

E vocês, o que acharam? E o pessoal dos outros cargos, como foi a prova de vocês? Contem aqui!

Concurso da UFRN: como foi?

ufrnA pessoa que em pleno meio de feriadão vai para Natal e ao invés de curtir uma praia, fazer um maravilhoso passeio de buggy ou visitar o maior cajueiro do mundo, vai para uma sala de aula enfrentar horas de prova realmente merece o meu respeito! Mas vida de concurseiro é assim mesmo, né?

Hoje (11) foi dia de prova da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e mal terminou  prova, a banca já liberou o gabarito! Bom porque acaba logo com a aflição e dá mais tempo da gente correr atrás dos recursos! Adorei!

Mas me contem: o que acharam da prova? O post é de vocês!

Concurso da Liquigás: como foi?

provaUm pouco atrasado, mas espero que ainda em tempo, segue o post para quem quiser comentar sobre a prova do concurso da Liquigás, que ocorreu neste domingo (20), em São Paulo/SP.

O gabarito já foi divulgado e sei que já tem gente correndo atrás de fazer recurso de algumas questões! Também ouvi dizer que a prova estava fácil. É isso mesmo, produção?

Uma das leitoras fez um ranking no Olho na Vaga, para quem tiver interesse em postar a pontuação.

Fiquem à vontade para discutir por aqui todos os assuntos relacionados a esta prova! E boa sorte!