Resultado do BNDES

Ontem a Cesgranrio divulgou o tão esperado resultado final do BNDES. Eu fiquei em 219º, óbvio que com zero chance de ser chamada, né? Mas ao menos fiquei feliz em ver que 1) esse foi meu primeiro concurso depois de quase um ano parada e já deu para começar a esquentar e 2) eu subi mais de 200 posições depois que corrigiu a discursiva e eu tinha um medo que me pelava dessa discursiva, mas vi que eu poderia me sair bem! Pra mim foi um ótimo recomeço, agora é erguer a cabeça e continuar os estudos.

Mas voltando ao resultado, vou apresentar a lista dos cinco primeiros colocados (ou melhor, colocadas. As mulheres estão dominando os concursos públicos), mas vocês podem ver a lista completa no DOU:

Renata Memere Riski
Priscila Lisboa Nascimento
Luisa de Carvalho e Silva
Ana Carolina Walczuk Beltrão
Debora Sereno Pereira Debiaso

Feliz demais pela Luisa, que foi da minha turma do Radix. Parabéns a Luisa e a todas pelas boas colocações! Tenho uma esperança que chamem (ao menos) as cinco primeiras!

Anúncios

18 opiniões sobre “Resultado do BNDES”

  1. Oi Mariana, que bom que você colocou o post aqui pra gente comentar. Eu fiquei em 137°. Fiz 128,5. Acho que fui bem. É o segundo concurso que eu tento. Minha irmã tenta concurso há 3 anos, e sei que subir 10 pontos na classificação não é fácil, mesmo pra quem estuda há muitooo tempo. Por isso, tenho estudado o máximo que posso, tento ler as bibliografias indicadas para concurso, além de fazer um cursinho online no Até Passar. Já fiz Radix (aulas do EAD), e outros cursinhos online. Adoro o seu blog, e aprendi muito com o depoimento das meninas que passaram. Se Deus quiser, em breve estarei no topo das listas ou nas “cabeças”, como diz um amigo meu. Vi que a primeira classificada detonou na prova fechada, e fez 42,5 apenas na aberta. Eu fiz 44,5 na aberta, acho que para subir na classificação é só absorvendo mesmo o máximo de conteúdo, para acertar mais fechadas. E é claro, contar com um pouquinho de sorte.. Tem gente que é muito sortudo pra chutar. Eu sou péssima de chute.. Será que existe dica pra chutar? Obrigada por manter o blog, Mariana.. Ele me ajuda muito. bjinhos.

    1. Ai, se alguém souber a técnica de chutar certo, me ensina, porque quando estou em dúvida entre duas alternativas, sempre marco a errada… =(

  2. Há algum tempo descobri seu blog e venho seguindo-o nunca prestei um concurso. Fico imaginando se pra você que é super antenada e tem experiência imagina pra mim quando eu resolver estrear na maratona dos concursos… Um abraço seu blog ajuda mto….

    1. Uma hora tem que começar, né, Danilo? Basta ter a coragem e determinação que em breve o esforço é recompensado!

  3. Mari! Obrigada!!! Estou muito feliz e agora na expectativa de receber o tão famoso telegrama. Espero que dê tudo certo! Foi a terceira vez que tentei e dessa vez resolvi me dedicar mesmo. Foi uma maratona (você bem sabe…) ter que trabalhar e fazer aula todos os dias, inclusive sábado e domingo, mas valeu muito a pena. O importante é ter persistência! Bjs!

    1. Lembro de você falando que passava em frente ao BNDES e ficava imaginando como era trabalhar lá… Quem acredita e persiste, consegue alcançar! Tenho certeza que em breve será chamada e desde já te convido a fazer um post pra gente quando isso acontecer! Beijo grande, querida!

  4. Parabéns a todas!!! E obrigada pelo depoimento, Aline. Não conhecia o Até Passar. E o EAD pode ser, de fato, uma ÓTIMA opção!!!! Obrigada e parabéns para todas!

    1. É!!! Parabéns para todaaas!! Todo esforço será recompensado. Deve ser um sonho mesmo receber este telegrama. Eu queria muito fazer o curso presencial do RadIx, Juliana, mas pra mim fica super fora de mão mudar pro Rio de Janeiro só pra isso. Eu fiz o EAD do Radix, mas confesso que achei bastante superficial. Fiz todas as aulas de Teoria da Comunicação lá. O método é interessante, sempre fui muito bem tratada quando tinha dúvidas e mandava emails para a direção, entretanto, as questões que eu postava no site demoravam tanto, mas tanto para serem respondidas, que eu até esquecia que tinha feito pergunta com relação a algum tema. Já o Até Passar tem o problema dos vídeos que demoram uma vida pra carregar (dependendo da sua conexão). Entretanto, a maioria dos professores me pareceram realmente bem competentes, e o material que eles anexam aos vídeos é ótimo. É claro, não dispensa a leitura daqueles livros que a Mariana vive falando aqui no site, mas ajudam muito. Por enquanto, estou bem satisfeita, viu? Acho que vale a pena comprar. Se souber de algum outro cursinho online interessante, avise, pleaseee.. bjinhos

      1. O pessoal do Radix tá reformulando as aulas de EAD, é até bom esse feedback, pois posso repassar para eles e assim melhorar o material disponível, né?

      2. Eu acho que o Radix poderia começar a transmitir todas as aulas online, Mariana. Vi que uma das suas leitoras comentou lá no facebook que seria o máximo se eles gravassem tudinho, mesmo que a filmagem não fosse lá essas coisas.. Achei muito pertinente o comentário dela. Hoje em dia, essas filmagens não têm muito mistério não. Até um estagiário edita. Às vezes eu penso que é intenção deles manter um público mais restrito. As turmas estão sempre esgotadas, os alunos sempre super elogiam o curso, os primeiros lugares sempre são de lá. Poxa, meu sonho é fazer um curso presencial no Radix.. kkkk.. sério mesmo.. O que eu não entendo é como as aulas do EAD podem ser tão primárias. No início, juro, eu até tava achando super bom, muito simples, muito claro. Mas o curso não te ajuda, de forma alguma, a resolver questões mais complexas (me refiro aqui às Teorias da Comunicação unicamente.. não conheço os outros materiais). Eu, por exemplo, sofro muito pra assimilar conteúdos de Teoria Culturológica Francesa e Estudos Culturais Britânicos. Você pega um Thompson, Hoggart da vida… Vai tentar entender Edgar Morin.. Juro que pra mim Morin fala grego ou eu sou uma tapada.. porque eu sempre acho que ele se contradiz em tudo.. enfim, o Radix fala sobre as ideias dos autores muito por alto.. não ajuda a definir conceitos primordiais.. Nas aulas de Escola de Frankfurt, por exemplo, eles falam de Adorno e Horkheimer, Habermas.. e o problema é que as provas de concursos tão ficando cada vez mais específicas.. não sei qual é a sua impressão.. Mês passado, eu fiz prova pela banca Funcab. Veja bem, Funcab. Não chega nem perto do grau de dificuldade de uma Cespe, por exemplo. Estudei pelas provas da banca. Havia questões da 2a fase da Escola de Frankfurt com os seguintes autores (e agora eu fui no meu armário buscar o meu caderninho de questões porque eu faço questão de transcrever pra você, obviamente não guardei todos os nomes ainda). Aqui estão eles: Fraz Neumann, Oskar Negt, Alfred Schmidt, Abrecht Wellner e Axel Honneth. JURO POR DEUS. Não sei se vocês que tentam concurso há mais tempo estão familiarizadas com estes nomes, mas sinceramente, nunca nem sequer ouvi falar. Habermas e Marcuse nem apareciam como opções. Por isso, cada vez mais, eu sinto falta de materiais mais completos na nossa área. Eu moro no interior de Minas, então você imagina, pra mim é ainda mais difícil ter acesso a bons cursinhos presenciais. Desculpa o desabafo. Acabei me excedendo aqui. Empolguei.. hahaha

      3. Aline, o pessoal do Radix sabe dessa demanda que as pessoas têm pelas aulas de EAD, eu inclusive cheguei a conversar com um dos donos do curso pessoalmente sobre isso. Eles estão em fase de produção de umas videoaulas, mas embora seja possível fazer “de qualquer jeito”, o Radix tem um nome já consolidado e prima pela qualidade! Eles preferem demorar mais, porém apresentar um material melhor para vocês! Não querem manter um público restrito, ao contrário! Já até mudaram de sede para ter um espaço maior, com mais salas. Só que administrar um curso assim não deve ser fácil, né?

        Mas entendo sua angústia! Eu também já morei bem mais distante do Rio e tinha esse sonho de um dia conseguir fazer um curso no Radix (que só agora pude realizar), mas apesar disso, consegui passar em um concurso apenas estudando com os materiais que estavam disponíveis! E mesmo que houvesse um curso hiper, mega completo, com materiais bem aprofundados, ainda assim não daria conta de abordar todos os assuntos possíveis, isso é uma coisa que depende de você buscar muitas fontes (cursos, livros, provas) e também da banca. Tem umas que são loucas, que cobram autores que ninguém nunca ouviu falar!

        Não adianta lutar contra isso! O que te aconselho é que, se você não pode fazer um curso presencial no Radix, invista em livros! O melhor da aula do Radix é que os professores dão muitas dicas de livros (muitos deles estão na bibliografia do blog). As aulas em si são rápidas, nem sempre dá tempo do professor se aprofundar, mas tenha certeza que os alunos que são os “cabeças” nos concursos e que são alunos do Radix é porque, além de assistir aulas, leram os livros indicados pelos professores e aprenderam a otimizar seu estudo!

  5. Eu acredito nisso sim, Mariana. Por isso, tenho investido em livros e acordado bem cedo para estudar.. hahahaha. Obrigada pelo depoimento. Tenho certeza que não é fácil administrar um curso como Radix,e acredito que eles têm feito o melhor que podem. Mas que eu fico com a pulga atrás da orelha pelo fato de que até hoje eles não disponibilizaram as aulas online, isso eu fico. hahaha.. Penso que talvez seja por uma questão de proteção, privacidade. Hoje em dia, tá muito fácil capturar qualquer material protegido e disponibilizar (gratuitamente). Infelizmente, há muitas pessoas que agem de má fé no mundo, e acabam prejudicando aquelas que só querem estudar direitinho e garantir sua vaguinha..hahaha.. mas, enfim.. O jeito é esperar. E vamos que vamos!!! Estudando muito até lá.

  6. Parabéns pra quem passou (como eu!) e foi convocado (o que não é o meu caso =P) É uma pena, mas depois de 4 anos parado, até que gostei do resultado (fiquei em 15º entre pessoas com deficiência – sou cadeirante e trabalho na assessoria de imprensa da Chesf [sou jornalista]). Bom, impossível, nada é, mas que é difícil isso sim! Pelo menos serviu pra me preparar com mais afinco pra o próximo, pois esse eu sequer peguei nos livros.

    Novamente, congratulações às vencedoras!

  7. Olá, primeiramente parabenizo a todos os aprovados!
    Em segundo lugar, gostaria de lhes pedir uma ajuda. Estou no terceiro período da faculdade de Contábeis e tenho procurado por bibliográfias e sites que possam me ajudar a iniciar os estudos p/o concurso do BNDES. Sei que mesmo faltando bastante tempo p/me formar e para o próximo concurso ocorrer quero começar o quanto antes.

    Desde já, muito obrigado!

  8. Olá Mariana,
    conheci seu blog/site hoje e fiquei muito impressionado. Parabéns e obrigado por esse trabalho!
    queria pedir uma opinião em relação aos cursos de pós-graduação à distância. Encontrei no site http://www.posead.com.br uma opção de pós em comunicação pública. Você já ouviu falar? será que ajudaria na preparação pra um oncurso? me tornaria apto pra concorrer em vagas para outras habilitações da comunicação, já que sou formado em jornalismo?
    agradeço se puder tirar essas dúvidas!

    1. Sempre acho que os cursos, treinamentos e até nossa experiência profissional contribui para o acúmulo de conhecimentos na área, que ajudam sim nas provas. Mas é bom lembrar que estudar para concursos é um pouco diferente do estudo em uma pós, por exemplo. E tendo o curso concluído, você terá pontos para provas de títulos, quando houver. Mas não pode concorrer a vagas de outras áreas, pois elas exigem a graduação em Relações Públicas ou Publicidade, por exemplo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s